De olho na mecânica dos carros usados

Se você esta com o orçamento apertado e quer um pouco mais de conforto, compensa mais comprar um usado “completinho” que um 0km sem nada.O preço do carro usado despencou nas concessionárias e os descontos já chegam a 40%, mas é importante ficar atento para não comprar por impulso caindo nas armadilhas de vendedores desleais.

Por isso, na hora de adquirir um carro que já passou por muitas outras mãos, é preciso tomar algumas precauções.

Mecânicos ressaltam a importância de usar um elevador para verificar a parte inferior e superior do motor para verificar se existe vazamento de óleo. Mesmo assim, cuidado: Às vezes nem mesmo um especialista consegue ter noção da condição real do motor.

Outro item a ser verificado é a funilaria. Para ter certeza de que o carro não teve uma grande batida, é importante observar a pintura e notar se há existência de emendas.

É preciso olhar o pedal de freio, de embreagem, direção, alavanca de câmbio e ver se tem desgaste. Fique atento a quilometragem, carros com 30 mil quilômetros podem ter os itens listados acima bastante desgastado, principalmente se as peças não forem mais originais.

Segundo o G1, um carro médio 1.0 ano 2003, 2004, completo, era encontra no mercado na faixa de R$ 22.900, R$ 23.500. Hoje, você encontra por R$ 18 mil, R$ 18.500 mil.

Fonte: G1

Tags: , , , ,

Um comentário para “De olho na mecânica dos carros usados”

  1. luiz andre disse:

    oi boa noite estou com um pro grande comprei um kadett 98 2.0 mas esta consumindo muito oleo e não ten vazamento algum e tambem não achei ele muito disposto quanto aos outros que ja possui e ai cara vc sabe o que pode ser .obg

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.