Quais os riscos de mudar de combustível repentinamente em motores flex?

24-06-2013-1

Respondendo claramente: nenhum. Mas esse tipo de dúvida muito comum mostra que o brasileiro ainda tem certa desconfiança com os bicombustíveis.

Um motor flex é fabricado de forma a receber etanol ou gasolina ou a mistura entre eles em qualquer proporção. Caso você tenha a mania de abastecer exclusivamente com uma das duas opções e faz assim por meses, quando decidir mudar, repentinamente, para a outra opção, pode.

Porém, existem algumas recomendações. Uma delas é para quem só usa etanol e decide, de repente, usar gasolina. Neste caso, recomenda-se abastecer primeiramente com gasolina aditivada. Em casos de veículos mais antigos que nunca receberam a aditivada, o uso deve ser gradual, para evitar o entupimento do sistema.

Já quem sempre usou gasolina e decide mudar para o etanol, o recomendado é que não estacione o carro logo após a mudança. Principalmente em veículos mais antigos também, os seguros recomendam rodar alguns metros para o motor “sentir” a diferença, já que o etanol entrega mais cavalos que a gasolina.

De toda forma, o motor está preparado para qualquer proporção desses combustíveis, então pode encher o tanque sem medo.

Tags: , ,

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.