Pequenos notáveis

di

Parece que a indústria automobilística está criando uma nova categoria de carros. São os hatches pequenos e médios, mas com visual, potência e equipamentos muito esportivos. E, aos poucos, o Brasil vai trazendo uns “modelitos” desses.

Tudo começou no Japão. Diferentemente dos EUA, a cultura automobilística japonesa não idolatra carrões gigantes com motores ainda maiores, preferindo os pequenos cheios de turbos e tecnologia. Lembram-se do Honda 2000 (famoso “carro rosa” do filme Velozes e Furiosos)? Pois é, ele ostenta um pequeno motor 2.0. Ou o já clássico Mitsubishi Eclipse que fez sucesso entre jogadores de futebol no começo da década de 90 aqui no Brasil e também tinha um motor de 2.0.

Os carros citados acima são coupés, mas já mostra que os japoneses gostam mesmo de motores e carros menores, mas bem potentes.

Transferir essa esportividade para os hatchs médios e pequenos foi questão de tempo. E o tempo chegou. E na Europa! Alguns já chegaram no Brasil.

Primeiro foi a BMW cm a Série 1, apostando num compacto e potente carro equipado com motos 3.0 bitubo de seis cilindros que entrega 320 cv de potência. Mas se 3.0 já é muito, a Subaru respondeu com o Impreza WRX STI, com motor 2.5 turbo e também seis cilindros de 310 cv.

A Audi não ficou atrás e mandou logo uma versão esportiva do A3 com câmbio automatizado e motor turbo 2.0 com 300 cv. Depois veio a VW e já garantiu o esperado Golf GTI R no Salão de Frankfurt e seu motor 2.0 turbo de câmbio automatizado e embreagem dupla gerando 220 cv de potência.

A Mercedes-Benz, sempre não sabendo brincar direito, já prometeu pra dezembro o quatro cilindros mais potente do mundo, um Classe A 45 AMG 2.0 de 360 cv!

Os franceses se mexeram e a Peugeot preparou o 208 GTI de motor menor, mas não menos arisco: 1.6 turbo de 200 cv. A Renault então respondeu com o Mégane RS 2.0 turbo de 265cv.

Todos os carros citados aqui estão a venda no Brasil ou chegam no começo de 2014. A categoria esportivo-compacta, porém, é cara. Os preços variam de R$ 150 mil (no Mégane) a R$ 253 mil (no Impreza). E aí? Encara?

Tags: , ,

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.