Ninguém merece volante e manoplas desgastadas

17-12-2013-1

Todos conhecem inúmeros reparos e cuidados a serem tomados em relação a lataria do carro. O mesmo serve para as rodas, vidros e pneus. Estofado, idem. Mas e as partes plásticas?

Vamos lembrar grande parte do interior do carro é construído de plásticos, dos mais diversos tipos. O exterior também tem seus parachoques e paralamas desse material.

Quando o problema é no exterior, caso a peça seja pintada, os reparos que funcionam para a lataria terão ótimos recultados. Só que muitos esquecem das peçs internas; e neste caso, quem mais sofre são os volantes e as manoplas.

Quando estão gastos e esbranquiçados, eles dão um aspecto realmente ruim para o carro, deixando-o com cara de velho e mal cuidado. Duas notícias. A boa: existem produtos para revitalizar as cores. A má: custam em média R$150…

Outra má notícia: o desgaste é invitável, pois é causado pelo sol e pelo suor das mãos. Quando as manoplas e o volante apresentam aspecto muito ruim, o mlehor a se fazer é trocar o revestimento. Lembrando que essa troca será feita uma, no máximo duas, vezes em sua vida (dependendo da ácidez do seu suor e do quanto o carro fica exposto ao sol sem película nos vidros).

Portanto, é melhor efetuar a troca do que gastar com o produto revitalizador.

Melhor ainda, sempre: prevenir. Uma flanela seca depois de usar o carro vai retardar em muito tempo o desgaste das peças.

Tags: , ,

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.