Warning: require_once() [function.require-once]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 520

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 520

Warning: require_once() [function.require-once]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 535

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 535

Warning: require_once() [function.require-once]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 542

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 542

Warning: require_once() [function.require-once]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 578

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 578

Warning: set_magic_quotes_runtime() [function.set-magic-quotes-runtime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 18

Deprecated: Function set_magic_quotes_runtime() is deprecated in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-settings.php on line 18
Acidentes, não fique no prejuízo « Blog Dirigindo Seguro


Warning: mktime() [function.mktime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 41

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 50

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 52

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 54

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 55

Warning: mktime() [function.mktime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 41

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 50

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 52

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 54

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/New_York' for 'EDT/-4.0/DST' instead in /usr/www/virtual/adesignbr/www.dirigindoseguro.com.br/wp-includes/functions.php on line 55

Acidentes, não fique no prejuízo


Os acidentes de trânsito, mesmo sem vítimas, podem acabar na justiça. Não é preciso fazer o registro de ocorrência, mas muitas vezes os acordos feitos no local não são cumpridos.

O condutor deve tomar alguns cuidados nestes casos, para evitar muita dor de cabeça no futuro. O básico é anotar placas e telefones de todos os envolvidos no acidente.

Mas está aumentando o número de motoristas que prometem pagar os prejuízos e somem.

O código Brasileiro de Trânsito só obriga o registro de um boletim de ocorrência quando há vitima. Se na hora do acidente os motoristas não se acertarem, cabe a Polícia Militar preencher um talão de ocorrência. Deve-se pedir uma cópia do registro.

Quando não existir vitimas em um acidente, a melhor coisa e buscar um acordo. Mas quando ele não for comprido a dívida deve ser cobrada na Justiça.

Para evitar que a pessoa volte atrás no acordo, pede-se ainda fotografar o veículo e pegar uma declaração do mecânico, pois, em batidas um pouco mais graves, a lesão pode não aparecer na hora e a pessoa recorrer depois.

Entrando na justiça a pessoa recebe a intimação para comparecer à delegacia e prestar um depoimento ou, pelo menos, tomar conhecimento daquilo que aconteceu. Será encaminhado depois ao juiz ou termo circunstancial, se for uma lesão leve, ou então haverá um inquérito policial para apurar o fato se tiver uma lesão com outros riscos.

 Fonte: G1

Tags: , , , ,

325 comentários para “Acidentes, não fique no prejuízo”

  1. PATRÍCIA disse:

    Olá…Me chamo Patrícia e esta semana tive um a colisão com outro carro, estava chegndo próximo a um cruzamento que não tinha nehuma sinalização, quando me choquei com o outro carro, sei neste caso que os dois esta errado pelo fato de ser um cruzamento , os dois teriam que parar, mas ele atravessou na minha frente em alta velocidade que nem deu tempo para eu desviar ou parar, sem contar que ele ainda freou na minha frente quando se assustou, neste caso eu bati nele e por este mesmo motivo ele ainda quer entrar com uma ação na justiça, alegando que ele teve prejuizo assim como eu também tive, sendo assim fizemos um boletim de ocorrência para dar andamentos no processo.Minha pergunta é…Qual seria daí para frente o procedimento a ser tomado?Neste caso eu saiu prejudicada pelo fato de eu ter batido nele?

  2. Luiz disse:

    Oi tudo bem ? eu queria saber se depois de quanto tempo vc ainda pode entrar com um processo contra a pessoa ? pq eu me envolvi ne um acidente tbm a pessoa evadiu o local eu a procurei e nada dela querer pagar , ai dechei de lado e comprei outro carro , mais agora quero vender o carro que ela bateu e ela ainda ñ foi concertado !

  3. REGINALDO disse:

    Olá
    Tenho um sobrinho habilitado, que cometeu um acidente de transito com danos materiais e propos entrar em acordo com a vitima, mas a vitima optou em acionar a justiça. A dúvida é a seguinte quem deve ser intimado na justiça eu por o veiculo estar em meu nome ou meu sobrinho por ter cometido o acidente

  4. Eliezer Oliveira disse:

    Olá boa noite.
    Minha esposas dirigia nossa moto biss e eu era carona. Ouve uma colisão, Ela esperou para entrar numa rodovia, quando percebeu que não vinha ninguém, entrou na rodovia. Vinha outro motoqueiro e colidiu conosco por trás. O rapaz tentou fugir. Fomos atás dele ele correu e se escondeu. Acionamos a polícia Rodoviaria Federal ao chegar ao local eles disseram que não podiam fazer muita coisa só preencher o relatório. O rapaz que colidiu com nossa moto não possui habilitação e dono da moto, uma empresa particular de seguranção eletronica, quer que nós acionemos o seguro de nossa moto e ele quer pagar só a franquia. Acionamos o seguro ou acionamos o Juiz?
    Desde já agradeço?

  5. MIUNE OCTAVIANO DA FONSECA JÚNIOR disse:

    EU ESTAVA COLHENDO MATERIAL BIOLÓGICO (SANGUE) PARA MINHA EMPRESA QUANDO AO SAIR DO LOCAL FUI SURPREENDIDO POR UM VEÍCULO QUE ACHO EU POIS NÃO VI AVANÇOU EM MIM DE FORMA ABRUPTA SEM CHANCES DE ME DEFENDER. EU ESTAVA NA CALÇADA DE UM POSTO DE GASOLINA (QUE ERA O LOCAL DA MINHA TAREFA DETERMINADA PELA EMPRESA, QUANDO ISTO TUDO ACONTECEU.O CARRO COM SUA RODA DIANTEITA ESQUERDA PASSOU EM CIMA DE MINHA PERNA FRATURANDO OS OSSOS, NÃO HOUVE B.O. POIS FUI COLOCADO ÁS PRESSAS NO CARRO DA PESSOA QUE ME ATROPELOU PELO PESSOAL QUE ESTAVA NO LOCAL. DEPOIS ATRAVES DE CONTATO COM A PESSOA QUE ME ATROPELOU QUE ELA NÃO POSSUIA HABILITAÇÃO E QUE O CARRO QUE ESTAVA TENTANDO DIRIGIR ERA DE OUTRO PESSOA. O QUE POSSO FAZER EM RELAÇÃO A ESTE CASO.
    DIGO B.O. INDENIZAÇÕES, AÇÕES JUDICIAIS. OBRIGADO

  6. carlos disse:

    Olá,

    A pessoa cometeu um pequeno sinistro do meu carro, porém, não parou seu veículo para poder conversarmos e foi embora. Como procedo nesse caso?

    Obrigado,

  7. Bruno disse:

    Bom dia, me envolvi em acidente onde meu carro foi atingido por uma moto no paralama. A ambulância levou o motoqueiro para o hospital com isso não registrei o BO. Já se passaram 5 dias do occorido. O rapaz foi levado para o hospital mas não houve nenhum tipo de lesão entende-se que houve vitima?
    Entendendo que sim, ainda posso fazer o BO?

    Obrigado

  8. Janaina Lacerda disse:

    Boa tarde, Meu esposo foi terceiro num acidente, uma moça bateu na traseira do meu carro ano 93, e fizemos o B.O e a mesma me pediu três orçamentos, fiz o que ela me pediu, mas me alegou que o valor nao conferia, e propôs um acordo em me pagar 500,00 reais mas nao cobre nem a metade de nenhum dos orçamentos que eu fiz.
    Entao ela acionou a seguradora dela e na hora da vistoria, o perito alegou que por meu carro ser antigo e eles não terem as peças, me propôs a pagar em dinheiro 1.000,00 reais, mas o menor orçamento que eu fiz foi de + ou - 1.150,00.

    POR FAVOR ME AJUDEM ?????????

  9. Borges disse:

    Boa tarde, prezados, tive um acidente no mes passado, eu estava errado, descendo em um corredor de onibus, e acabei batendo, a vitima no outro carro fez um BO, em uma semana a vitima do outro carro quiz fazer um acordo, no acordo ele falava que nao ia e ingressar com a ação de dano material cumulada com dano moral, além de dar o devido andamento no Boletim de Ocorrência que acarretará em Inquérito Policial e, ao final, em ação penal no Fórum Criminal da Barra Funda, aceitei o acordo, agora recebi uma intimação, o cara deu andamento no processo criminal, ele pode ir na delegacia e retirar a queixa?

  10. Marissele disse:

    Bom dia, meu marido colidiu na traseira de um taxi, qual havia um engate de carreta. nosso carro ficou bem danificado, mas o taxi teve apenas um pequeno amassado na traseira, a proprietaria do taxi mandou consertar o carro e nao fez orçamento, apos um tempo nos ligou, informando que o valor do conserto foi de R$3,200, qual nao concordamos em pagar, pois achamos um absurdo o valor cobrado. Agora ela entrou na justiça, nos cobrando muitas coisas coisas, inclusive danos morais. Agora qual o procedimento que devo tomar, pois sinto que ela esta agindo de má fé, e nao foi honesta. e nao tenho condiçoes de pagar o valor que ela esta pedindo.

  11. ELVIS disse:

    Boa noite!
    Estava em um estacionamento de um supermercado, derrepente eu ja estava dentro do carro para sair, derrepente vem um Sr. para estacionar na vaga ao lado, ele deu uma esbarrada no meu parachoque traseiro, como o Sr. se alterou na hora que tentei um acordo, chamei a policia, fizemos um boletim de ocorrencia, o Sr. me passou o tel, mas quando ligo ele nao atende, a esposa me disse que ele nao quer conversa comigo, ficou em 200,00 reais, vale a pena procurar pequenas causas??? tenho foto dos dos carros e testemunhas do mercado, como devo proceder???

    Obrigado.

  12. Ana Claudia disse:

    Um caminhão bateu no meu carro, tentamos acordo na hora, mas ele não aceitou e pediu para eu fazer o B.O.
    Fui numa delegacia mais proxima e registrei o caso.
    Qual o procedimento agora? tenho que aguardar que a policia resolve ou tenho que procurar a justiça?
    Fico no aguardo de uma orientação de como proceder, pois ja se passou um mes e nada aconteceu.
    Grata

  13. Cindy disse:

    Bom dia, senhores gostaria de saber como meu irmão deve proceder no seguinte caso: ele se chocou de moto com um carro, o carro estava na preferência mas em alta velocidade, houve BO. No entanto meu irmão não tem condições de pagar o valor do prejuízo todo e de uma vez, ele não tem carteira assinada mas não se nega a pagar. O dono do carro disse que vai colocar ele na justiça, o que vocês nos aconselha?

  14. Cauã disse:

    Me fecharam em umarodovia aqui de florianopolis,eu sai da pista a contramão e bati em outro carro. Na hora o causador do acidente fugiu e 2 dias depois me ligou dizendo que havia feito b.o dizendo que foi o causador e a seguradora(bradesco) iria pagar o carro. O problema é que como ele fugiu na hora do acidente a seguradora nao cobre gastos com guincho,e só de guincho foram 350 reais!
    Pedi pra ele me ressarcir dos gastos com b.o,guincho e meu celular que quebrou na batida,e ele não esta querendo pagar!
    Onde eu entro na justiça contra ele e quais documentos devo providenciar pra tal?
    Posso pedir indenização por danos morais já que fiquei 2 dias achando que ia ficar sozinho no prejuizo,e eu eminha mulher nos machucamos,meu filho com 7 meses ficou dias chorando…????

  15. carlos disse:

    Aconteceu o seguinte dois carros da mesma empresa colidiram entre si um bateu na traseira do outro e os dois possuem o mesmo seguro como se deve agir aciona o seguro apenas do que causou o acidente pois ambos tem seguro do veiculo e para terceiros ou se deve acionar o seguro de ambos?
    Obrigado desde já!

  16. Chrystiano de Sousa disse:

    Olá…

    Minha mãe estava com o carro ( CLASSIC ) estacionado em frente a casa de um familiar.no momento não tinha nenhuma pessoa dentro do veículo.. quando derrepende veio um outro carro ( CELTA ).. e se chocou com o nosso.. danificando a frente e mais outras peças em sí.. segundo testemunhas que quem estava dirigindo o veículo ( CELTA ) era um menor e no banco de passagerios estaria o dono do veiculo.que era avô desse menor..segundo testemunhas o menor evadio do local no mesmo momento só que não foi pego em fragrante pela minha mãe.. o Rapaz dono do Celta disse que quem estaria dirigindo era ele.. minutos depois o DETRAN veio fazer a pericia ..nos aconcelhou a fazer um acordo com o rapaz do celta.. minha mãe tentou entrar em acordo..no momento o rapaz disse q ia acar com os prejuizos.. e levaria o carro pra um mecanico de sua confiança;; ate ai tudo bem.. durante os dias minha mãe anda tendo dor de cabeça com o rapaz.. ele não anda asumindo direito com o acordo.. e minha mãe é q ta gastando dinheiro pra poder te o carro novo novamente..pq antes da batida o carro ainda estava novo.. e ela ta pensando em entrar na justiza.. qual procedimento vocês recomendariam?

  17. Chrystiano de Sousa disse:

    *Justiça

  18. Deisy Oliveira disse:

    Boa Tarde,
    Gostaria de uma informação, meu marido andava com uma camionete SD na via preferencial quando em uma travessa saiu uma camionete pampa, tentamos frear mas acabamos batendo no lado do carona. O motorista da pampa estava bebado, nao tinha habilitação, e o carro nao estava em seu nome fizemos o BO, estamos tentando cobrar do responsavel que bateu em nosso carro mas ele nao quer pagar, posso cobrar da pessoa que e o responsavel pelo carro, ou seja o dono do veiculo.

  19. mariano deylom de sousa disse:

    eu estacionei e veio um caminhao passou por cima me diga ja faz cinco dias o que eu faco

  20. Bethania disse:

    O meu caso é mais ou menos o mesmo do Manoel, ali em cima. Sou terceira e a oficina indicada pela seguradora quis reter meu carro por 3 semanas para o reparo. Tenho outra oficina de confiança que fez o serviço em 3 dias. Ela inclusive também é credenciada. Mas a seguradora não quer pagar o valor total da conta e eu tive que pagar 400 da diferença entre uma oficina e outra. Me informaram que existe uma lei (acredito que estadual - SC) que garante que eu possa colocar o meu carro em qualquer oficina da minha escolha para o reparo do meu carro e que a seguradora deve arcar. Isso procede? O que devo fazer para reaver essa diferença paga?

    Agradeço desde já a atenção!

  21. Leonardo Dias disse:

    Por favor me ajudem, sou motociclista e ontem bati com um carro popular, acertamos de eu pagar em parcelas, mas hoje o marido da motorista me ligou falando para eu pagar o carro até esta semana, sou estagiário tive uma lesão no ligamento do ombro e não tenho condições de pagar o valor o que eu devo fazer. Por favor me ajudem, será que é melhor ela fazer o boletim?

  22. Aalex disse:

    Um motociclista invadiu a contra mão e colidiu no meu carro dia 14 de dezembro de 2012, na hora a moto dele não tava emplacada e ja tinha passado o prazo dele ter emplacado, dae ele preferiu fazer acordo para arrumar o carro, levei ele num cartorio, fiz ele assinar umas notas promissórias para ele pagar a prazo, ja que o mesmo não tem o dinheiro a vista, e uma escritura publica declaratória comprovando o acidente que foi culpa dele, mas mesmo assim depois de tudo o ocorrido ele ainda não ta respeitando o prazo e não pagou a parcela, o que devo fazer?

  23. Roberta Palhares disse:

    Boa noite! No dia 02/11/11, nos envolvemos num acidente no anel rodoviario em Bh, um palio cortou um caminhao pela direita, este entao esbarrou no caminhao e acabou colidindo com o meu veiculo, um siena, o condutor do palio, desceu do veiculo, muito alterado, chutou e quebrou as lanternas do caminhao, no meu veiculo, dirigido pelo meu marido, estavam eu, gravida de 34 semanas, meu filho de 7 anos, minha irma e meu cunhado. O condutor do palio, nos informou que ele nao tinha habilitaçao, que o carro era emprestado do primo dele e que ele morava proximo ao local do ocorrido, no palio estava, o condutor, mulher e filhos pequenos, as crianças estavam chorando, ele juntou as coisas dentro do veiculo, e disse que levaria a mulher no ponto de onibus para que ela pudesse ir embora com as crianças, e que voltaria. o condutor do palio deixou o local do acidente, largou o veiculo com o alarme acionado e nao retornou, conseguimos abrir o veiculo e encontramos uma conta de celular, ligamos e conseguimos falar com o proprietario do palio que se mostrou surpreso com o ocorrido, o policial rodoviario solicitou que ele fosse ao local do acidente, pois a situaçao poderia complicar pra ele, a colisao ocorreu as 20:00 horas, mas ao chegar ao local do acidente, os policiais constataram que haviam feito um boletim de ocorrencia as 22:00 horas, de roubo do veiculo, a historia que o proprietatio contou era que ele tinha emprestado o carro para o primo, e que o primo informou que o veiculo havia sido roubado! mas o condutor, que neste momento passou a ser o possivel bandido, possuia a chave, e o alarme do veiculo! e o fez juntamente com a esposa e filhos. no local do acidente o proprietario do veiculo, se comprometeu a pagar a franquia do meu sehuro no valor de R$1090,00, desde entao o mesmo pagou so metade do valor. nao quero pre

  24. luis fernando campos disse:

    estava trafegando numa estrada principal quando um veiculo numa rua secundária avançol sinal e bati na porta dele , mais ele não parou e ñão consigui anotar a placa fiz o brat . como devo proceder com minha seguradora

  25. bati meu carro eu mesmo chamei a policia eu tava errada tentei fazer um acordo o cara nao ke agora ele me diz ke vai entra na justiça o ke eu devo fazer keria ke vcs me deçe uma opiniao obrigado

  26. Paulo disse:

    Olá, Gostaria de saber o que devo fazer!
    Nesta ultima terça-feira 21/02/2012 eu estava dirigindo meu carro e num trevo de uma cidade do interior ( Monte Mor ) eu fui OBRIGADO a parar o carro para atravessar uma via, o PARE era meu e veio um rapaz e bateu na minha traseira, ele fugiu mais consegui ir atrás e fazer ele parar. fizemos um acordo verbal e ele só conseguiu me pagar uma quantia, mais o prejuizo ficou maior do que ele me pagou. O que devo fazer? estou tentando ligar pra ele mais nao me atende. tenho o endereço e a placa do carro dele. mais não fiz BO. o que faço? Obrigado

  27. Denise disse:

    Olá, gostaria de uma ajuda, meu filho se envolveu em um acidente na Rod, Dutra, um carro bateu na lateral do carro dele duas vezes em alta velocidade e nem sequer parou, ele conseguiram anotar a placa e ligaram pra policia que disse que aquele carro estava com uma ocorrencia de roubo, então eles deduziram que os quatro ocupantes do veiculo estavam fugindo em alta velocidade e por isso não pararam, então gostaria de saber qual o procedimento que meu filho deva fazer, pois se tem alguma coisa ou não tem como ele ir atras para ressarcir o prejuizo que ele teve a lateral toda amassada, aguardo resposta, obrigada

  28. Cleimar disse:

    Fui sair da garagem de casa a noite e nao percebi que tinha uma moto estacionada do outro lado da rua. Esbarrei e derrubei a moto. Houve quebra de retrovisor e manopla de embreagem que foram pagos o conserto. Agora a dona da moto alegou que tem arranhoes levou a moto na agencia e eles disseram que tem que trocar tanque e mais um monte de pecas sendo que nao teve amassamento. Como devo proceder no caso. Achei muito estranho eles falarem que precisa trocar tantas pecas que nao tiveram avarias.

  29. Alexandre disse:

    Levei uma batida quando estava parado no sinal, foi a delegacia com o outro carro e fiz o B.O. minha duvida, o caminhão que bateu em mim tem seguro, ou seja a seguradora vai entrar em contato comigo?

  30. Gutemberg disse:

    Estava eu em um engarrafamento quanto ia avançando lentamente ao ser surpreendido com uma porrada que o carro bateu na minha traseira e que consequentemente me projetou batendo no carro da frente. O impressionante que meu carro não teve “nada” nem o que bateu em mim, porém o carro que o meu carro bateu causou dano na traseira. O que bateu no meu carro disse que iria assumir, mas tá fugindo e a mulher que meu carro bateu quer que eu assuma alegando que sempre quem bate no fundo é culpado. Não concordo, como devo proceder?sou realmente culpado?

  31. Marcelo disse:

    Bom dia… poderia me ajudar…uma pessoa bateu em meu veiculom foi feito todos os boletins..so que a pessoa que dirigia era de menor de idade, e no caso na delegacia foi feito dois boletins..uma da colisão e outro criminal, pois a proprietario do carro era de maior e deixou a de menor dirigir… agora preciso levar o carro na pericia antes de começar a arrumar, é preciso levar na pericia e qual a consequencia de não levar ?

  32. jose disse:

    bha cara eu cortei afrente de um motoqueiro,ele que bota na justiça.
    se ele coloca eu so obrigado a pagar ou o juiz faz tipo um acordo.
    tipo eu nao tenho muitas condiçoes o juiz leva isso em consideração ou nao…

  33. Michelle disse:

    Olá,

    Domingo passado dia (18/03/2012) bateram na traseira do meu carro, conforme conversado com o Rapaz que bateu no meu carro ele alegou que irá pagar o prejuízo e me passo os dados dele como nome , telefone e e-mail, porem não quis fazer o Boletim de Ocorrência pois estava com pressa.
    ok fiz o orçamento na segunda feira e na terça entrei em contato com ele, ele achou muito caro e falou que estava viajando a trabalho mais que segunda feira e terça que vem ira tira o dia para resolver isto. Bom minha duvida é a seguinte, estou preocupada no caso dele não querer pagar… o que devo fazer? eu ainda posso fazer um boletim dias depois do acidente ? eu consigo fazer o boletim só com o numero da paca dele?

    fico no aguardo.

    obrigada

    Att,

    Michelle

  34. anderson disse:

    estava pilotando uma moto atras de uma fiorino derepente a fiorino reduziu e foi para o lado esquerdo eu continuei na minha mao quando estava quase passando-a ela resolveu entrar no estacionamento para a direita sem dar sinal de luz indicativa, na ora o proprietario falou que estava erado e pagava as despesas, ai peguei os dados dele e fui embora, passado um tempo ele me ligou dizendo que eu estava erado porque podei ele pela esquerda e tem testemunhas que ligou a seta (o que nao e verdade), e quer me cobrar o pequeno amassado do carro, fui na policia e fiz um b.o, o que devo fazer.
    obrigado

  35. Anderson disse:

    Amigos, gostaria de tirar uma dúvida, um cidadão que vinha a minha frente parou bruscamente diante a uma faixa de pedestre estava de vagar mas como a pista estava suja de areia não consequi parar e albarroei na traseira do cidadão, não fuji a responsabilidade e pedi para o mesmo fazer orçamento e ficou em R$ 1000,00 falei para o cidadão ir arrumar o carro que me comprometia a pagar, o fato é o mesmo não foi, entrei em contato por quatro vezes e mesmo assim o cidadão não mandou arrumar o carro, só que depois de passada um ano o referido me liga me cobrando o conserto que ficou em R$ 1800,00 e me neguei a pagar afirmando que pagaria somente os r$ 1000,00 e o mesmo não aceitou dizendo que iria entrar na justiça, na época não fiz BO. o que devo fazer? Obrigado pela atenção.

  36. giovanna salerno disse:

    Bom Dia !

    Gostaria de uma informação, a aproximadamente 1 ano meu pai se envolveu em uma acidente onde colidiram 3 veiculos onde ele era o ultimo. Sendo que o 1° veiculo parou derrepente levando o 2° e o 3° ( meu pai) a colidirem, e o 1° veiculo foi embora pois estava com pressa e o 2° veiculo o dispensou. O 2º veiculo teve a frente amassada e atraseira tambem, meu pai orientou o motorista do 2° veiculo a ir a oficina autorizada pelo seguro, onde ele faria o reparo do dele, na oficina foi dito que o 1° veiculo não poderia ir embora pois o seguro possivelmente iria querer ver os danos causados nos dois veiculos para fazer os reparos, pois só estava autorizado o reparo da parte traseira do 2° veiculo, pois se não havia outro veiculo para se verificar, os danos poderiam ser anteriores. Meu pai disse que ele também não arcaria pois ele não autorzou o 1° veiculo a ir embora e pagava seguro. A pessoa, pegou não quiz fazer a parte que o seguro cobria e saiu da oficina. Agora quase um ano depois o 2° veiculo ligou para minha residencia para cobrar os gastos com o reparo do veiculo, que ele teve. Gostaria de saber o que posso fazer, pois ate de seguradora eu mudei.

    Desde já agradeço,

    Giovanna

  37. Maria D. da Rocha disse:

    Meu companeiro sofreu um acidente commoto aqui mesmo na rua onde moramo em Brasília-DF,aconteceu que ele não consegui controlar a moto após passar em cima de um quebrra molas sem sinalização, soreu polifraturas e veio a óbito tres dias após, no dia do acidente não oi feita a perícia mesmo tendo vítima, a polícia PM, que estava no local juntamente com o bombeiros não solicitaram Perícia Policial, fizeram foi mandar entegar a moto em minha casa quando retornei do hospital a mesma já estava em minha garagem totalmente danificada, mas na época não me atentei pra nada só queria mesmo é que meu espòso se salvasse fato que não aconteceu. Já fui no DETRAN solicitar documentação, ele me enrolaram e não me deram por duas vezes, mandou que eu procurasse um advogado caso tivesse alguma dúvida, como ´quem mandou cntruir o quebra molas foi o próprio administrador da cidade e assim ficou por vários dias até acontecer um acidente fatal , este logo tratou de apressar e em menos de 24 horas providenciou uma placa para o local, me sinto prejudicada mas não sei por onde começar ate hoje não consegui me conformar com tamanho descaso por partes das autoridades, as vezes penso que houve coorporativismo já que o administrador é também policial licenciado.Me ajudem…desde já lhes agradeço.
    Att,
    MDR - Viúva injustiçada.

  38. carlos disse:

    quero saber, se uma pessoa pega o carro emprestado e bate em outro veiculo ,sendo de maior,o dono do carro vai pagar o prejuizo ou motorista

  39. clesio disse:

    Oi como eu faço para dar entrada ao processo contra duas pessoa que bateram no meu carro que estava no estacionamento quando carro e ai fazer um retorno ou uma contramão Pegou um motoqueiro que também estava errado também ai esse motoqueiro foi direto no pneu dianteiro do meu carro foi forte abatida que chegou a empenar as duas rodas como devo proceder

  40. Jayro disse:

    Bom dia…
    A semana passada, quando subia da Sidade de Taubaté, Para CAmpos do Jordão (Onde Moro)…passei por um trecho em obras. Passei por cones que estavam no meio da atrapalando o transito….depois desse ponto a neblina estava muito densa, não dava pra enchergar nada depois de uns 3m do carro…quando comecei a fazer uma curva pra direita…não havia nenhum agente de transido (DER) nesta área…e tb não tinha sinalização luminosa devido a baixa visibilidade…os cones deram a entender que eu deveria entrar na pista da esquerda (não mais no acostamento, onde eu vinha andando)…nisso acabei colidindo com um outro carro que vinha na mão contraria. Pela baixa visibilidade…estavamos, eu e o outro condutor, com velocidade bem reduzida.
    Meu carro não tem seguro, mas o do outro condutor tem. A empresa dona do carro é uma prestadora de serviço ao DER (responsável pelas obras). Depois que tinhamos saido do local…pra fazer o b.o no posto rodoviario…amigos e funcionarios do outro condutor que estavam na pista…falram que eu tinha que pagar a franquia do carro deles….ai eu pergunto…eu devo pagar???sendo que a má sinalização do local e a baixa visibilidade me induziram a troca de pista….um amigo falou pra que eu não pague a franquia…pois mesmo eu pagando eu vou ter que arcar com as custas de conserto do meu carro, da franquia deles….e ainda mesmo pagando a franquia…corre o risco da seguradora vir me processar pra pagar os gastos que a seguradora teve com o conserto do carro deles….o que eu devo fazer???alguem pode me ajudar???

  41. Renata Riccetto disse:

    Estava tirando meu carro da garagem do predio onde resido, de ré, quando me deparei com um veiculo parado e a condutora falando ao celular.. quando me dei conta houve uma colisão traseira de ambos os carros. A condutora do carro alega que elaestava parada em guia rebaxada, porem dentro do carro. Eu porem penso que como ela estava parada em lugar errado deve arcar com as despesas que causou…Não houve acordo e fomos fazer um BO. La o policial verificou que a mesma não era proprietaria do carro e o licenciamento do carro atrasado. Foi efetuada a autuação, apreendido o documento do carro dela e so não foi guinchado por falta de guincho…Ela continua alegando que esta certa, pois estava parada falando ao celular(mesmo assumindo que era guia rebaixada)Posso ir procurar o juizado de pequenas causas?Tenho chance de receber o conserto do veiculo???Podem me ajudar comentando quem está com a razão???Outras dicas a respeito será bem vinda!!!AGUARDANDO RESPOSTAS>>>

  42. Rodrigo Ribeio disse:

    Preciso de orientação =\- 10 dias bati na traseira de um pálio, foi num cruzamento, não consegui evitar pq estava saindo d um quebra molas, bom bati no parachoque e pegou parte do porta malas, vi q precisaria trocar o parachoque, e combinei tdo com o cara na hora e olhei alguns lugares ele tbm, pedi q aguardasse só ate o meu pagamento e eles estão ameaçando entrar na justiça, agora eles querem trocar toda a peça do porta malas, e estou com receio d ter q pagar algo q nao é justo.

  43. emerson disse:

    ola um dia desses quando fui dar marcha re um cidadão veio e bateu na minha trazeira obs:ainda não tinha comessado a andar pois o mesmo quer que eu pague pelo estrago do seu carro ele ateme ameaçou q si eu não pagar ira ate a empressa que eu trabalho e disse que eu vou pagar elede qualquer jeito e mais disse que ele tem seis meses para pedir o boletim de ocorrencia agora eu pergunto como ele vai fazer um boletim de ocorrencia apos seis meses ??

  44. Samuel disse:

    Bom dia, gostaria da ajuda de vocês no seguinte caso.
    Hoje na parte da manhã, ao sair com o meu carro para ir à faculdade, olhei no retrovisor esquerdo e não constava nenhum veículo em locomoção na via. Liguei a seta para a esquerda, sinalizando a minha saída e posteriormente comecei as manobras para sair da vaga. Porém ao embicar o meu carro na rua para efetuar a saída foi necessário dar uma pequena marcha ré, pois os veículos que estavam à frente e por trás do meu, estavam muito próximos. Nesse momento um carro em marcha ré colidiu com o meu, acertando o para-lama dianteiro esquerdo e parte da minha porta esquerda. O motorista alega que já estava em locomoção na via e que o erro foi meu. Com essa descrição, quem foi o errado no caso, eu o outro motorista, tendo em vista que ele alega que já vinha executando a marcha ré por um grande percurso?

  45. Oscar disse:

    Ola..

    Dia 30 de março de 2012, um condutor perdeu o controle sobre seu veiculo, que por sua vez colidiu com minha motocicleta que estava estacionada em frente a loja que trabalho na devida vaga destina a motos… o carro e de uma locadora, o condutor me pediu para entrar em contato com o proprietario da locadora, que por sua vez nao quer
    pagar o total do concerto….
    tenho testemunhas e video do ocorrido alem dos dados do veiculo…
    Que atitude devo tomar perante essa situação… pois a duas semanas
    estou sem a moto, e nao vejo interesse dele em resolver meu problema!

    Obrigado pela atenção

    Oscar

  46. dirleny disse:

    na verdade so gostaria de saber se costuma demorar muito pra sair o resultado de uma batida qual o prazo para o reembolso so pra me ter uma ideia

  47. erivaldo disse:

    o meu caso foi q um cara freio o carro rapidamente e nao deu para eu para e trisquei na traseira do para choque dele.ai ele justificou q o carro dele e novo.ele foi na concecionaria do veiculo. eles falaram q o outro mais o seguinte.e ele falou q o parachoque e n 850reais e eu nao tenho condições de pagar esse valor o carro e um classic

  48. gleiciane disse:

    tive um acidente no transito bati na traseira do carro a mulher do carro da frente deu re para estacionar e bateu no meu carro que esta a tras do dela o que eu faco quem esta errado neste caso a policia nao foi chamada e nao foi tirado foto e nao tenho testemunhas como faco quebrou o farol do meu carro

  49. adailson disse:

    como posso resolver esse problema uma traxx 50 cilintradas pois ela não tem placa eu posso da uma queixa na detran pois eu fiquei com o prejuizo danos materias pois ele não tem placa policial e o condutor não tem CNH

  50. silva disse:

    Boa tarde , gostaria que você pudesse esclarescer algumas duvidas.
    Ontem a tarde , estava voltando eu e minha familia de um passeio. Não estava correndo, devia estar a 50km/h, ai uma moto cruzou na contra mão colidindo com o meu carro.Tentei freiar, mas era descida, e o motoqueiro ficou no capo do carro e depois caiu no chão.
    Graças a Deus ninguem se machucou….mas o meu carro ficou totalmente destruido na frente.Sei que o culpado foi o motoqueiro, pois ele invadiu a minha mão e ele estava com fone de ouvido..Meu carro não tem seguro.Fiz o boletim de ocorrencia .
    Também sei que esse motoqueiro já teve outro acidente onde matou um pedestre.
    Gostaria de saber quais são os meus direitos e se eu posso obrigar o motoqueiro pagar .
    Espero resposta..
    obrigado

Deixe um comentário