Posts com a Tag ‘IPI’

IPI reduzido pode ser prorrogado indefinidamente

segunda-feira, 8 de abril de 2013

08-04-2013-1

Durante a páscoa, a presidente Dilma e o ministro Guido Mantega anunciaram que o aumento gradativo do IPI sobre automóveis seria congelado. Porém, preocupado não apenas em sustentar o crescimento do comércio como também controlar reflexos na inflação, há boatos de que o IPI atual pode ser adiado indefinidamente.

Essas especulações já mexeram com as previsões do setor para 2013. Antes se acreditava que o mercado automobilístico cresceria 3,5% em relação ao ano passado. Por conta dessa possibilidade, esse número já subiu para 4% a 5%.

O que alguns economistas afirmam é que manter o IPI no patamar atual geraria uma nova “corrida do ouro” na indústria automotiva. Mas apontam para um senão. O mercado de autopeças passa a ser o elo fraco da corrente. Ainda pouco competitivo e carente de tecnologia eficiente, esse setor corre o risco de ser deficitário em poucos anos.

Os economistas atentam que, caso torne-se real tal especulação, o consumidor deve esperar uma queda de preço nos carros novos (ignorando o fator “mercado”). Para ser preciso, o aumento no preço dos carros deve ser inferior à taxa de inflação. Consequentemente, o preço dos usados desce junto.

Caso se concretize a manobra de manter o IPI na atual faixa eternamente, uma pequena e significativa mudança pode ser vislumbrada. No Brasil temos os carros mais taxados e caros do mundo, numa longa sequência de impostos sobre impostos. De repente, isso poderia começar a mudar.

Governo segura IPI de veículos até dezembro de 2013

quarta-feira, 3 de abril de 2013

02-04-2013-1

O Governo Federal anunciou uma medida ano passado. O IPI teria crescimento gradativo até atingir seu normal no meio de 2013. Porém o Ministro Guido Mantega afirmou no último domingo que a redução do IPI permanece intacta até dezembro de 2013.

O motivo é para “evitar riscos de redução brusca do PIB”, segundo palavras do ministro. Quase 25% da produtividade industrial brasileira são do setor automotivo. Com a queda de vendas, desce também a produção e, consequentemente, o PIB desce junto.

Mas o governo apenas suspendeu a recomposição gradual da alíquota do IPI e não retornou aos valores de 2012. Por exemplo, os carros de motor 1.0, que chegaram a gozar de isenção total do imposto no ano passado, terão mantida a taxa de 2% — em julho, ela chegaria a 7%.

Trocando em miúdos, os carros 0 km não tem nenhum respaldo tributário para aumentar o preço até 31 de dezembro de 2013.

Agora se essa redução traz realmente mais benefício à população ou à industria, isso é conversa pra outro dia.

No Salão do Automóvel de SP, presidente Dilma prorroga IPI baixo até o fim do ano

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

29-10-2012-1

Em discurso feito no Salão de SP, a presidente Dilma anunciou que continuará com a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para veículos até o final do ano. Prorrogado inicialmente para o fim de outubro, a nova prorrogação garante o IPI baixo até dia 31 de dezembro de 2012.

O corte mantém os números do mês de outubro (diferentes daqueles anunciados em março que durou até agosto) e depende da potência do motor e do local de fabricação (nacional ou importado). Desde o início da redução do IPI, a industria automotiva teve aumentos significativos na venda de carros novos e  na redução do estoque das montadoras.

Porém, o ministro da Fazendo, Guido Mantega, disse que esse é provavelmente a última prorrogação e visa evitar o aumento de preço dos automóveis no fim do ano.

Confira abaixo uma tabela que mostra a taxa atual sobre cada classe de veículo:

29-10-2012-2

Isenção de IPI para carros de deficientes

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

deficientes

Uma boa notícia para encerrar o ano com chave de ouro, a Receita Federal informou que renovou a isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) em automóveis de fabricação nacional adquiridos por pessoas portadoras de deficiência física, visual, mental severa ou profunda, ou autistas.

Segue tudo como estava, ou seja, o benefício poderá ser usado uma vez a cada dois anos, sem limite do número de aquisições de veículos, mas não vale para compra por meio de leasing.

Fonte: Folha de São Paulo

IPI reduzido continua

terça-feira, 30 de junho de 2009

Os que pretendem adquirir o primeiro veículo 0km ou aqueles que desejam trocar o carro podem voltar a sorrir.

A Receita Federal divulgou hoje que o IPI continuará reduzido para veículos novos, mas subirá gradualmente entre outubro deste ano e janeiro de 2010.

Veja como ficará o IPI mês a mês:ipireduzido

Tipo de automóvel — – Até setembro - Outubro - Novembro - Dezembro - Janeiro/2010

1.0 (gasolina ou flex) — – Isento — – 1,5% — – — 3% — – — — 5% — – — – 7%

Acima de 1.0 e abaixo de 2.0 — 6,5% — – 8% — – — 9,5% — – — – 11% — – 13%
(gasolina)

Acima de 1.0 e abaixo de 2.0 — 5,5% — – 6,5% — – 7,5% — – — – 9% — – — 11%
bicombustíveis (flex)

Fonte: Folha de São Paulo