Posts com a Tag ‘Salão de Genebra’

Alfa Romeo aproveita Salão de Genebra para voltar ao mercado americano

segunda-feira, 11 de março de 2013

11-03-2013-1

Não é de hoje que a Alfa Romeo ensaia um retorno forte ao mercado americano, principalmente nos EUA. Eis que no Salão de Genebra, a marca italiana apresentou novidades que de fato vãos pras ruas no Novo Mundo. A principal é o 4C.

Com um conceito semelhante ao utilizado (e abandonado) pela Opel na época do Speedster e pela Honda com o S2000, o 4C é um “miniesportivo”. Ou seja, mesmo com design e proposta esportiva, ele é do tamanho de um hacth e menos potente que um “supercarro” (como Ferrari, Lamborghini ou McLaren).

Na verdade, o atranete carro da Alfa Romeo é um cupê compacto com motor 1.8. Mas engana-se quem pensa que o carro é “comportado”: o pequeno motor é turbinado e com injeção direta de gasolina, assim gera 240 cv de potência.

Seu nome, 4C, foi herdado do antigo esportivo da marca, 8C. O anterior tinha um grande motor de oito cilindros, o novo carro-chefe da empresa para os EUA tem, obviamente, quatro cilindros.

A carroceria do cupê lembra muito de uma “Ferrari miniatura” (menos o farol, moderno e futurista que mais parecem de algum carro feito sob medida). Não é coincidência. A FIAT é dona da Alfa Romeo e da Ferrari, além do fato do 4C será fabricado na fábrica da Ferrari em Maranello. Ou seja, está em casa.

E o Brasil? Vai receber esse carro? Nada foi dito a respeito, mas as chances são muito remotas, afinal não existe público ou ruas para carros esportivos no Brasil e todas as tentativas de comercializar esse tipo de veículo foram verdadeiros fiascos.

Mais uma geração do Golf no Salão de Genebra

sexta-feira, 8 de março de 2013

08-03-2013-11

Não é de hoje que a Volkswagen padroniza o design de seus carros, interna e externamente. Olhando pelo retrovisor de seu carro, é muito difícil reconhecer se o carro de traz é um Jetta, um Gol, um Fox ou um Polo. Para a nova geração, o “carro modelo” da VW é o Golf sétima geração.

O Golf 7, distante do Brasil (ainda estamos na geração 4) foi nomeado o “carro mundial do ano” já na primeira semana de Salão por especialistas da área (além de ter sido o modelo mais vendido na Europa em 2012). E a família não para de crescer.

Foi apresentado o Golf Variant (no Brasil recebe o nome de Jetta Variant e no México de Bora Variant). Uma station wagon moderna que, obviamente, traz a frente do novo Golf.

O curioso é que o Jetta Variant virá, através de importação oficial, para o Brasil. Assim como as gerações anteriores, o público brasileiro terá contato com os traços do novo Golf não pela maneira óbvia (no próprio carro), mas através de um carro gerado a partir do Golf.

Entendeu? Vou explicar. Para o mercado brasileiro, o carro chefe da VW é o Jetta. Tanto que é sempre o primeiro a trazer a nova geração de automóveis da montadora. É comum ouvir na rua as pessoas se referirem aos veículos da alemã como “o Fox, mas aquele novo, com a frente do Jetta”. Acontece que o Jetta é um carro derivado do Golf! E o Golf, carro mais vendido da Europa, parou no tempo aqui pelo nosso país.

Então, a pesar da estranheza, não é novidade essa manobra da VW para o Brasil. Mas, sinceramente, o Golf sempre foi um dos queridinhos do público brasileiro, não dá pra entender porque ele não vem.

Começou o Salão de Genebra, já com notícias para o Brasil

quarta-feira, 6 de março de 2013

06-03-2013-1

Começou nessa semana o mais importante salão de automóveis do primeiro semestre. O Salão de Genebra move todas as montadoras do mundo e apresenta novidades do mundo automotivo. Sua grande força está em mostrar alternativas reais para o mercado mundial e não apenas protótipos e carros exclusivos.

Na verdade, o que torna Genebra tão importante é que lá as marcas apresentam conceitos e identidades visuais, inovações e tecnologias que passarão a equipar os carros de rua imediatamente. Algumas dessas novidades já antecipamos aqui no blog.

A notícia para o Brasil é que a Range Rover Evoque de nove marchas e o mini SUV Peugeot 2008 (apresentado com uma pintura exêntrica) foram confirmados para nosso mercado logo no primeiro dia do salão. Isso mostra como o país, ainda que pouco competitivo para os fabricantes exportarem (apesar de que o 2008 provavelmente seja montado aqui), é um mercado interessante para vendas.

Teremos mais novidades do salão, fique ligado aqui para saber detalhes. E olha que por lá está rolando de tudo!

O sucesso dos SUV compactos e a gafe do Salão de Genebra

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

19-02-2013-1

Quando apresentada ao mundo em 2003, a EcoSport era uma aposta ousada da Ford. Um legítimo SUV construído sobre a plataforma de um hacth pequeno (o Ford Fiesta, na ocasião). Ninguém sabia se daria certo. Hoje, 10 anos depois, nós sabemos: deu certo. Muito certo.

No entanto, agora a Ford terá que conviver com um monstro que criou. Um monstro bom e saudável, mas monstro. A nova geração da EcoSport é superior em tudo a sua antecessora: design (talvez não da roda, já que a Ford apostou num desenho bem esquisito), conforto, dirigibilidade, ergonomia, itens de série e etc. Porém, ao olhar na rua ela já não é tão presente como as primeiras “Ecos”. Por quê? Culpa do tal monstro.

O sucesso do SUV compacto gerou concorrência. Se antes a Ford acertadamente abocanhou um target até então inexistente, hoje tem que competir com outras montadoras. Mesmo tendo adversários como CrossFox e Idea Adventure, apenas com a chegada do Renault Duster que a EcoSport encontrou alguém do mesmo segmento.

19-02-2013-2

Como numa relação de “causa e efeito”, outras montadoras já abriram os olhos para esse novo público. A bola da vez é o belo Peugeot 2008, um SUV muito bonito feito sobre a plataforma do 208. O carro será apresentado no Salão de Genebra e tem grandes chances de chegar ao Brasil ainda em 2013 (já que aqui é um dos maiores mercados de SUV compactos do mundo).

19-02-2013-3

E por falar em SUV compacto e Salão de Genebra, o site do conceituado salão pagou um dos maiores micos da história. Divulgou (no site oficial) imagens de um suposto Fiat 500X que seria um SUV compacto feito sobre a plataforma do charmoso e minúsculo Fiat 500.

19-02-2013-4

Como a informação veio via site oficial do evento, um efeito cascata cobriu a mídia mundial. Inúmeros veículos de comunicação divulgaram a notícia e a foto do lançamento da Fiat. Acontece que a foto era apenas uma projeção artística do que poderia ser um SUV sobre a plataforma do Fiat 500 (tem aos montes isso na internet).

A organização do Salão de Genebra pediu mil desculpas pela gafe.

Importante, a Fiat não negou que estuda mesmo fabricar um SUV compacto, mas negou veementemente a presença de um tal de 500X em Genebra.

Quem gostou disso? A Peugeot, que apresenta seu 2008 sem nenhum concorrente no salão.