Posts com a Tag ‘volante’

Ninguém merece volante e manoplas desgastadas

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

17-12-2013-1

Todos conhecem inúmeros reparos e cuidados a serem tomados em relação a lataria do carro. O mesmo serve para as rodas, vidros e pneus. Estofado, idem. Mas e as partes plásticas?

Vamos lembrar grande parte do interior do carro é construído de plásticos, dos mais diversos tipos. O exterior também tem seus parachoques e paralamas desse material.

Quando o problema é no exterior, caso a peça seja pintada, os reparos que funcionam para a lataria terão ótimos recultados. Só que muitos esquecem das peçs internas; e neste caso, quem mais sofre são os volantes e as manoplas.

Quando estão gastos e esbranquiçados, eles dão um aspecto realmente ruim para o carro, deixando-o com cara de velho e mal cuidado. Duas notícias. A boa: existem produtos para revitalizar as cores. A má: custam em média R$150…

Outra má notícia: o desgaste é invitável, pois é causado pelo sol e pelo suor das mãos. Quando as manoplas e o volante apresentam aspecto muito ruim, o mlehor a se fazer é trocar o revestimento. Lembrando que essa troca será feita uma, no máximo duas, vezes em sua vida (dependendo da ácidez do seu suor e do quanto o carro fica exposto ao sol sem película nos vidros).

Portanto, é melhor efetuar a troca do que gastar com o produto revitalizador.

Melhor ainda, sempre: prevenir. Uma flanela seca depois de usar o carro vai retardar em muito tempo o desgaste das peças.

Citroën convoca recall de C4 hatch e C4 Pallas

quarta-feira, 14 de abril de 2010

c4-hatch

A onda dos recalls pelo país continua. A Citroën convoca os proprietários dos modelos C4 hatch e C4 Pallas (ano 2009 e 2010) para reparar um problema no sistema de direção assistida.

Segundo a montadora, o volante pode endurecer em manobras rápidas ocasionando acidentes.

Para verificar se o seu carro tem este problema, compareça a uma concessionária para a verificação. Caso seja encontrado este defeito, a empresa irá atualizar o programa do módulo de controle.

Confira os chassis envolvidos:

De 9G533889 a AG518279

Mais informações podem ser obtidas pelo tel. (0800) 011-8088 ou pelo site www.citroen.com.br.

Fonte: Interpress Motor

Mulheres, um grande mercado para a indústria automobilística

segunda-feira, 8 de março de 2010

Hoje é o “Dia Internacional da Mulher” e o DirigindoSeguro não poderia deixar de prestar uma homenagem a elas, afinal, além de especiais, elas são responsáveis hoje por mais de 70% das compras diretas e indiretas demulhervolante veículos no Brasil.

Estes números compravam que as mulheres de hoje em dia possuem um bom poder aquisitivo, fruto de muita luta por conseguir se inserir de igual para igual no mercado de trabalho.

Os fabricantes, de olho neste mercado crescente, também se adaptaram para agradar as mulheres: espelho nos para-sois, maçanetas internas e externas com novo design privilegiando o conforto e a facilidade no manuseio, banco com motorista com regulagem de altura e o aumento no número de porta-objetos.

Entre os atributos mais valorizados pela público feminino estão a comodidade, o conforto e a praticidade. As mulheres também são muito mais receptivas a uma nova cor, apesar de manterem o prata e o preto no topo da lista de preferências, a cor vermelha também tem uma ótima aceitação.

Fonte: Volks

Vícios ao volante

terça-feira, 4 de novembro de 2008

Até os mais experientes motoristas tem alguns vícios adquiridos ao volante. É muito difícil largar esses vícios, mas o problema é que esses pequenos deslizes acabam reduzindo a vida útil de vários componentes.

Segue alguns vícios e suas conseqüências:

1º Dirigir com o pé apoiado na embreagem reduz a vida útil do disco de embreagem em até 50%.

2º Não calibrar toda semana os pneus causa desgaste irregular, aumenta o gasto de combustível e o desempenho é prejudicado.

3º Frear com a embreagem acionada ou em ponto morto, desgasta as pinças e lonas de freio, aquece excessivamente o fluído aumentando o espaço de frenagem.

4º Acelerar antes de desligar o motor prejudica o motor.

5º Não dirija com a mão apoiada na alavanca de câmbio que diminui a vida útil das engrenagens.

6º Saindo de segunda marcha acaba desgastando muito o platô da embreagem.

7º Esquecer o afogador ligado desgasta muito mais o escapamento além do aumento do consumo de combustível.

8º Não estacione com as rodas apoiadas na guia, pois deforma e esvazia os pneus, desgasta a caixa de direção e desalinha o carro.

9º Passando com apenas duas rodas na lombada, no canto ou na diagonal, está correndo o risco de furar as coifas das juntas homocinéticas e causando torções prejudiciais ao monobloco.

10º Andar com o tanque na reserva, como falamos no post abaixo, entope os bicos injetores.

Não é fácil, mas vale a pena largar esses vícios para não gastar tanto com mecânico e não maltratar seu bem tão precioso!

Fonte: Uol