Arquivo de abril de 2010

Corolla passará por “orientação preventiva”

sexta-feira, 30 de abril de 2010

corolla-2008

A pouco mais de uma semana a Toyota foi proibida pelo Ministério Público e pelo Procon de Minas Gerais de comercializar o seu modelo Corolla na região. A medida visa proteger o consumidor de problemas de aceleração contínua no veículo, causados por falta de fixação do tapete.

A Toyota afirma que seu modelo não tem problemas e que no manual do proprietário constam informações sobre a falta de aderência do tapete. A justiça não concordou com a alegação da empresa e só sobrou uma solução para a montadora japonesa: convocar os proprietários para uma “orientação preventiva”.

Neste encontro de proprietários com fabricante serão prestadas informações sobre a importância da fixação correta do tapete do motorista, bem como a importância do uso de peças genuínas para não afetar o retorno do pedal do acelerador.

Além disso, o veículo ainda passará por uma inspeção e fixação - se necessário for - do tapete. Em nota, a montadora afirma que o problema atinge os sedãs fabricados a partir de abril de 2008.

Segundo a fabricante, os clientes serão avisados individualmente da campanha nos próximos dias.

Fonte: UOL

Land Rover anuncia recall

quarta-feira, 28 de abril de 2010

landrover90

A Land Rover não quis ficar de fora da onda de recalls e anunciou ontem que os proprietários do modelo Defender nas versões 90, 110 e 130 devem comparecer a uma concessionária para verificar o sistema de vedação da caixa de transferência do veículo.

Segundo a empresa, um dos anéis de vedação da caixa de transferência pode apresentar problema e gerar um vazamento de óleo e prejudicar o sistema de freio de mão.

O problema foi descoberto na Inglaterra, mas segundo a Land Rover, cerca de 123 veículos (comercializados entre 2007 e 2008) estão convocados para o Recall aqui no Brasil.

Os proprietários podem obter mais informações pelo telefone 0800 012 2733.

Fonte: Auto Esporte

“Cadeirinha” pode ter obrigatoriedade extendida em Vans escolares

segunda-feira, 26 de abril de 2010

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) informou sobre uma ótima medida que irá tranquilizar os pais que “entregam” seus filhos na escola por meio do transporte escolar, as chamadas “Vans”.

vancadeiraO órgão anunciou que deve estender a obrigatoriedade do uso da cadeirinha para crianças de até 7 anos e meio, trazendo mais segurança para as crianças e calma para os familiares responsáveis.

Na capital paulista, a Secretaria Municipal de Transportes, que fiscaliza e regulamenta a concessão e a atividade, exige a cadeirinha em vans e peruas escolares apenas para crianças de até 3 anos de idade.

A obrigatoriedade será uma das resoluções da nova regulamentação para o transporte escolar que está sendo discutida em uma das câmaras temáticas do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), portanto, ainda não se sabe a data exata de quando a “cadeirinha” passará a ser item obrigatório nas peruas escolares.

Fonte: Agência Estado

Toyota promove recall mundial para 34 mil veículos

sexta-feira, 23 de abril de 2010

toyota-lexus-recall

Como se já não bastasse o Megarecall que envolve mais de 9 milhões de veículos no mundo todo, a Toyota anunciou esta semana que mais 34 mil veículos devem comparecer a uma concessionária para realizar um novo recall.

O chamado acontece seis dias após uma revista especializada americana publicar testes revelando a falta de estabilidade nos veículos envolvidos são o Lexus GX 460 e a Land Cruiser Prado.

O problema divulgado pela montadora japonesa é praticamente o mesmo divulgado pela revista americana: problemas de estabilidade e tendência a sair de traseira em curvas em alta velocidade

A empresa não especificou onde ocorrerá o recall, mas disse que no início de maio começará a enviar cartas para os proprietários dos veículos incluídos no chamado.

Fonte: Agência France Press

Na estrada: ar-condicionado ou vidro aberto?

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Uma dúvida que muitos condutores têm é se na estrada vale mais a pena andar com o vidro aberto ou utilizar o ar-condicionado. O que consome menos combustível? Bom, pela lógica, andar com o ar ligado aumenta simcarrovidroestrada o consumo de combustível, mas na estrada existe a exceção desta regra.

Nas estradas, com o vidro do automóvel aberto e você a uma velocidade maior que 70 km/h cria-se o chamado arrasto, ou seja, o vento entra pelas janelas e “segura” o veículo e isto faz com que o motor seja mais exigido, com maior desgaste e consumo de combustível.

 

Já com os vidros fechados e ar ligado, evita-se a criação deste atrito aerodinâmico, tonando a viagem mais econômica. Já na cidade o consumo de combustível será maior utilizando o ar-condicionado do que se estivesse com os vidros abertos.

Resumindo então:  Se estiver a mais de 70 km/h feche as janelas e ligue o ar.

Para finalizar, uma curiosidade: O compressor do ar-condicionado dos carros funciona de forma constante, portanto não importa se você estiver utilizando o ar na potência 1,2,3 ou 4, o consumo de combustível será sempre o mesmo.

Fonte: G1