Posts com a Tag ‘audi’

Com fábricas no Brasil, preços de BMW, Audi e Mercedes vão baixar?

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Mercedes-Benz GLA Showcar Studio; 2013

Resposta: não. Ou muito pouco. E existem alguns motivos pra isso.

Primeiro porque mesmo produzindo os carros aqui, a tecnologia deverá ser importada. Isso tem um custo alto, tanto em mão de obra quanto em produtos.

Aí encontramos outro fator: mesmo montando no Brasil, a maioria das peças virão de fora. Num primeiro momento, cerca de 65% das peças dos carros ainda serão de fora.

Outro ponto é que será preciso amortizar od custos. A Audi, por exemplo, precisa vender quaser R$ 500 milhões para recuperar o valor investido no país. Quem paga isso é o consumidor, obviamente.

Mas mesmo assim, não deveria cair cerca de 10% os preços, só por não ter mais a taxa de importação sobre o produto pronto?

Então nos deparamos com o principal motivo dos preços permanecerem iguais. Uma lógica simples de mercado: tem muita gente que compra por esse valor, portanto baixar não soa lucrativo para a montadora.

O que podemos ter é uma queda de 3%, no máximo 5%, do valor por causa da suposta maior facilidade de manutenção e reposição. 10 % é sonhar alto demais e ter preços parelhos com os europeus chega a soar ridículo, dada a improbabilidade de isso acontecer.

Portanto, não se anime tanto. Os carros montados aqui não terão preços melhores e menos abusivos.

Audi surpreende e não vai montar A3 no Brasil

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

18-09-2013-1

Nem uma semana depois de confirmar a fábrica e a montagem de modelos no Brasil para 2015, a montadora surpreende e revela que não vai nacionalizar o A3. Mas isso não quer dizer que desistiram do Brasil: os modelos escolhidos foram o A3 sedã e o SUV Q3.

A notícia veio por um pronunciamento oficial feito hoje em Brasília e deixou os consumidores surpresos. O A3 é o carro da Audi com maior adesão por parte dos brasileiros e pertence a um segmento muito querido pelo público, o de hacths médios de luxo. Ele continuará sendo importado.

O Q3 é um aposta interesante. Chega para dar luxo ao segmento de SUV pequenos e crossovers. O segmento, desenvolvido e liderado pela EcoSport, não tem veículos na faixa de preço no Q3. O SUV maior, Q5, também foi confirmado para 2015, mas importado do México.

Os modelos serão montados na fábrica da Volkswagen em São José dos Pinhais (PR), a mesma que provavelmente fará o novo Golf.

De Frankfurt, Audi confirma que A3 será brasileiro

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

11-09-2013-1

Começou hoje o Salão do Automóvel de Frankfurt, um dos maiores e mais tradicionais do mundo. P Salão de Frankfurt é focado em novidades e lançamentos que chegarão ao mercado no ano seguinte. E foi diretamente de lá que a Audi confirmou que o A3 será fabricado novamente no Brasil.

“Não sei dizer quando ou onde, mas tenho certeza de que vamos produzir o novo A3 no Brasil”, afirmou Ulrich Hackenberg, novo membro do Board for Technical Development da Audi.

Ainda foi dito que a Audi fará um anúncio com detalhes ainda este ano sobre a produção no Brasil. Além o A3, é muito possível que o A3 Sedan também seja nacionalizado.

A Audi chegou a produzir o antigo A3 no Brasil entre 1999 e 2006 na fábrica da Volkswagen em São José do Pinhais (PR), onde espera-se que vá fabricar o Novo Golf, da sétima geração, que divide a mesma plataforma com o novo A3, o que aumenta as chances de que a produção do compacto premium ocorra lá.

A suspensão da produção do “A3 nacional”, em outubro de 2006, ocorreu por causa da baixa demanda pelo modelo. Depois disso, ele voltou a ser apenas importado. Mas como o mercado nacional voltou a crescer, a produção será retomada.

Ainda sobre A3, a Audi apresentou o A3 Cabriolet, a versão conversível do modelo. Ele também chegará ao Brasil no segundo semestre de 2014, mas apenas importado.

Salão de SP: Audi promove test-drive para o público

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

24-10-2012-1

No post anterior, comentamos que entre as “decepções” do Salão de 2012 estava o cancelamento do passeio de helicóptero e test-drive que seria realizado pela Mercedes-Benz. Pois bem, a Audi resolveu deixar o público um pouco mais feliz e oferecer uma “voltinha” em quatro de seus supercarros encontrados no salão.

O trajeto permitido é de apenas 5 km, nos arredores do Anhembi. Inclui passar pela Marginal Tietê, Praça Campo de Bagatelle e Avenida Olavo Fontoura e dura cerca de 15 minutos.

Os carros a serem escolhidos são S5, R8 Spyder, TT-S e o exclusivíssimo R8 GT Spyder, do qual apenas 333 unidades foram fabricadas. Esse superesportivo conta com motor V10 capaz de gerar 560 cv. Como curiosidade, na segunda-feira a Audi “emprestou” o modelo disponível para test-drive para o jogador Neymar, que passou dois dias com a máquina em Santos.

Quem quiser ter um dia de piloto deve chegar cedo ao Anhembi e fazer a inscrição no Hotel Holliday Inn, na lateral do pavilhão de exposição. O passeio é reservado aos 84 primeiros inscritos (21 por veículo) e custa R$ 315,482. Ah, é fundamental ter CNH e o ingresso para a exposição já comprado.

Divirta-se, com atenção e segurança.

Audi A1 chegou

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

O Audi A1 foi apresentado oficialmente no Rio de Janeiro, e começa a mostrar força no país. Em um evento para convidados, o menor e mais novo modelo da Audi foi o centro das atenções. Durante o evento duas unidades foram comercializadas.

O preço do veículo aqui no Brasil é de R$ 89.900 e chega ao mercado em Março, e é equipado com motor 1.4 TFSI com injeção direta eletrônica e turbo compressor, capaz de gerar 122cv de potência. A média de consumo prometida pela empresa é de 18,8 km/litro de combustível (15,4 km/litro na cidade e 21,7 km/litro na estrada).

O câmbio é automatizado S-Tronic de dupla embreagem e sete velocidades. Ainda segundo a marca, o zero a 100 km/h é cumprido em 8,9 segundos e a velocidade máxima é de 203 km/h. O veículo promete fazer sucesso por aqui.