Posts com a Tag ‘fluido’

Cuidados com o câmbio automático

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Cada vez mais o câmbio automático está se tornando parte do cotidiano dos motoristas que enxergam neste antigo artigo de luxo uma boa solução para enfrentar o caótico trânsito das grandes cidades - sem ter que ficarcambioautomatico1 engatando e desengatando a marcha.

Segue então algumas dicas para você manter em ordem a transmissão automática:

1-) Sempre que o carro estiver no plano, em velocidade de cruzeiro, o câmbio automático deve permanecer em “D” (Drive).

2-) Repare no chão da garagem que você para o carro: manchas de fluido avermelhado podem indicar vazamentos.

3-) Mantenha o nível de fluído sempre na marca, nem acima e nem abaixo.

4-) Utilize apenas o fluido indicado no manual do veículo ou da transmissão.

5-) Barulhos estranhos ou trancos nas trocas de marchas é sinal que algo está errado, procure um mecânico.

6-) Siga as orientações de troca de fluido descritos no manual (normalmente a primeira verificação é quando o carro atinge 25 mil Km.

Fonte: G1

Sem freio

terça-feira, 11 de novembro de 2008

Imagine você dirigindo por uma reta na estrada, quando está no fim dela, você pisa no freio, mas não acontece nada. Você pisa várias vezes e nada de frear. Você está sem freio, mas o que fazer?

Nos carros de hoje, quando você pisa no freio, você pressiona um pistão que empurra o fluído de freio para o cilindro mestre, que pressuriza o fluído. Depois passa por tubos finos, que se chamam tubulações de freio, até chegar aos pistões em cada roda. Esses pistões aplicam pressão sobre as pastilhas de freio, que comprimem um disco ou um tambor para parar o carro.

Se alguém cortar suas tubulações de freio ou o carro ter uma perda de fluído de freio considerável, nada ira acontecer quando pisar no pedal de freio.

Nesses casos a primeira coisa a fazer é tentar pisar várias vezes no pedal de freio, pois você pode conseguir mandar fluído suficiente para o sistema manter as coisas sob controle.

Não conseguindo mandar o fluído, a segunda opção é tentar o feio de emergência, mas se as tubulações de freio estiverem cortadas e você descobrir que o freio de emergência também não está funcionando você está com um grande problema.

A próxima tentativa é diminuir a velocidade usando a transmissão, reduza uma marcha, espere a velocidade diminuir e depois reduza mais uma.

Se nem assim der certo, você tem que fazer alguma manobra que pode prejudicar o carro, como ir para algum canteiro central com grama, raspar o carro na parede e contar muito com a sorte.

Para não correr esse risco, é imprescindível verificar sempre se não existem vazamentos e se não está faltando fluído de freio.

Fonte: Uol

Mecânicas

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Mulheres cansadas de serem enganadas pelos mecânicos ou tendo que aturar o machismo constante em repreensão às mulheres ao volante, tem a chance de aprender em um curso rápido de mecânica algumas coisas que podem lhe ser úteis no dia-a-dia, sendo o curso somente para mulheres.

São 4h de curso onde cada aluna recebe uma apostila da parte teórica, em sala têm-se a parte visual, aprendem até como funciona um motor, entre outras funcionalidades.
O intuito deste curso é auxiliar as mulheres para que consigam resolver algum problema mínimo que venha ocorrer com seu carro e seguir para algum local próximo onde tenha uma assistência mecânica.

Você mulher que ainda não teve a oportunidade de fazer esse curso, segue 5 dicas úteis para você conseguir resolver algum probleminha simples com seu carro e não ficar apavorada sem noção do que fazer.

1.Quando o carro aquece:
Verifique o nível do fluido de refrigeração, ele tem que trabalhar no meio, entre a marca do máximo e do mínimo.

2. Quando o freio dá problema:
Se estiver com uma luz no painel acendendo ou quando o pedal de freio fica mais duro, verifique se não está faltando o fluido de freio.

3.Se o carro estiver fazendo barulho:
Verifique se há óleo, pois muitas vezes a falta de óleo pode ser a causa do barulho ou do problema no motor.

4. Se o carro estiver falhando:
Verifique se soltou algum cabo ou haste que comanda este sistema.

5.Problema na bateria:
Se a luz da bateria no painel estiver acesa, verifique se não soltou algum cabo ou alguma correia que aciona o sistema de recarga da bateria.

 

Fonte: UOL