Posts com a Tag ‘vagas’

Vagas grátis dão lugar a Zona Azul em Moema

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Se você transita por Moema, bairro de São Paulo, já deve ter notado uma maior dificuldade para estacionar seu carro de forma gratuita. Isto acontece em decorrência de uma medida da prefeitura que transformou 3.850 vagas dezonaazulfiscal estacionamento “grátis” em 1.072 vagas de Zona Azul.

Segundo a prefeitura, esta mudança surge para desafogar o trânsito nos corredores das avenidas Ibirapuera, República do Líbano/ Indianópolis e Bandeirantes, aumentando a capacidade de tráfego nas alamedas dos Maracatins, Nhambiquaras e Arapanés e nas avenidas Juriti, Moema, dos Imarés e dos Eucaliptos.

Além das 1.072 vagas de zona azul “normais”, serão criadas 32 vagas de zona azul para deficientes, 67 para idosos e 9 para carga e descarga de caminhões.

Fonte: Folha de São Paulo

CET demarca mais 226 vagas de Zona Azul

terça-feira, 9 de junho de 2009

Desde ontem, segunda-feira (8), a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) começou a implementar mais 226 vagas de estacionamento rotativo de Zona Azul na zona oeste de São Paulo.

As vagas serão distribuídas entre a avenida Antártica e as ruas Turiassu, Barão de Tefé, Embaixador Leão Veloso, Teixeira e Souza, Higino Pelegrini, Padre Antônio Tomás e Mario Sette.Além das 226 vagas, serão criadas outras 11 vagas rotativas para carga e descarga, cinco vagas acessíveis para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida e três bolsões que comportam 88 motocicletas.

A companhia também informou que foi preciso instalar placas de regulamentação de estacionamento e sinalização de solo para demarcar a área de Zona Azul. A CET informou ainda que, durante o processo de adaptação às novas regras de estacionamento, a engenharia de campo da CET vai acompanhar o trânsito local para orientar motoristas e usuários do novo serviço.

Fonte: Folha de São Paulo

Mudanças de Zona Azul no Itaim Bibi e Centro

sexta-feira, 15 de maio de 2009

mudancazonaazulCom o objetivo de aumentar a fluidez no trânsito na região do Itaim Bibi (zona oeste) e no centro, a Prefeitura de São Paulo decidiu modificar algumas áreas da região.

Tanto na zona oeste quanto no centro da cidade, a Prefeitura de São Paulo pretende restringir o estacionamento em algumas vias importantes, como nas avenidas Nove de Julho e na Juscelino Kubitschek, por exemplo.

A Prefeitura de São Paulo cortou 208 vagas comuns para carros na Zona Azul e aumentou de 36 para 464 o número de vagas para motocicletas na região do Itaim Bibi.

De acordo com a CET, os pontos mais problemáticos da região do Itaim Bibi estão localizados nas ruas Pedroso de Alvarenga, Tabapuã, Leopoldo Couto de Magalhães, Renato Paes de Barros, Bandeira Paulista, Clodomiro Amazonas, Joaquim Floriano e João Cachoeira.

Com a lentidão nessas vias, alguns corredores sofrem os reflexos e ficam frequentemente congestionados.

Ao contrário do que acontecerá no Itaim Bibi, serão criadas na região central novas vagas de estacionamento para auxiliar o comércio do local.

Na região, os principais gargalos estão localizados na rua 25 de Março e nas avenidas do Estado, Cantareira e Senador Queiróz. A lentidão nestas vias causa reflexos no corredor norte-sul, atingindo a rua Carlos de Souza Nazaré, a avenida Prestes Maia e o Túnel Anhangabaú, chegando até o aeroporto de Congonhas.

A CET informou que irá aumentar o número de agentes na região para orientar os motoristas na adaptação às novas sinalizações e restrições.

Fonte: Folha de São Paulo

Dicas para estacionar com segurança

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Chegar ao local e deixar a chave do carro na mão manobrista do estacionamento. Nada mais cômodo, certo? Errado. Entregar seu veículo sem saber algumas informações básicas a respeito do estabelecimento e deste serviço pode dar dor de cabeça na volta.

Riscos, cutucados na lataria, estepes roubados e multas são os problemas mais comuns e podem ser percebidos tarde demais. Veja algumas dicas para que o simples ato de estacionar o carro não vire um transtorno.

Na legalidade:

O primeiro detalhe a se prestar atenção é se o estacionamento é legalizado. As regras variam de cidade para cidade, mas, por exemplo, em São Paulo (SP), o estabelecimento precisa ter afixados em local visível as tarifas cobradas, o número de vagas do local e as informações sobre o seguro.

Só na capital paulista, há 19 leis municipais que regulamentam o serviço de estacionamento. Há regras até para as vagas em 45º (em diagonal). estacionadica

Sem aperto:

Alguns estacionamentos possuem o péssimo hábito de diminuir o tamanho das vagas para aumentar o número de lugares disponíveis. Este ‘aperto’ pode causar riscos e cutucões na lataria. Se possível, procure um local onde seja possível, ao menos, abrir as portas do veículo.

Vistoria:

Para evitar surpresas ao chegar em casa, vale a pena conferir o estado do carro antes de estacioná-lo e quando for retirá-lo. Desse modo, é possível saber o estado do carro e se apareceu alguma ‘surpresa’ no canto do para-choque, por exemplo.

Não os deixe cair em tentação:

Por mais que você conheça o estacionamento e seus manobristas, rádios, óculos, tocadores de MP3 etc., são alvos fáceis para pessoas sem boas intenções. É melhor deixar os objetos fora da vista de terceiros, ou, se possível, levá-los consigo.

Nota fiscal não é lixo:

A primeira coisa que muitas pessoas fazem com a nota fiscal (ou recibo) do estacionamento é jogar o papel fora. Erro grave. Se aparecer uma multa gerada por algum manobrista do estabelecimento não há como comprovar de quem foi a culpa e, geralmente, o proprietário acaba por ficar com o prejuízo e com os pontos na carteira.

Fonte: I Carro